quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

Papa critica ganância de políticos corruptos e poderosos em audiência geral

Papa critica ganância de políticos corruptos e poderosos em audiência geral
Foto: Presidencia de la República Mexicana
O papa Francisco criticou políticos corruptos e poderosos sempre com sede de poder na primeira audiência geral realizada após sua viagem ao México. Jorge Mario Bergoglio lembrou que para ter mais dinheiro essas pessoas exploram umas às outras, com práticas como tráfico, trabalho escravo, da exploração para enriquecer os poderosos. O pontífice mencionou o relato bíblico de Nabot, vítima da ambição de poder do rei Acab, e disse que aquela "não é uma história de outros tempos", mas de hoje, de acordo com a Veja. Bergoglio lembrou que "Deus é maior que a maldade e do que os jogos sujos feitos pelos seres humanos" e enviou o profeta Elias para converter o rei Acab. O líder religioso alertou ainda para quando o poder dos políticos se transforma em arrogância, dizendo que essas pessoas deveriam se arrepender e "pedir perdão ao Senhor". Pelo menos 22 mil fieis acompanharam a homilia. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nunca escreva para os outros, o que você não gostaria de ler