segunda-feira, 14 de março de 2016

Para Josias, saída dos Brito do PTB marca o rompimento do partido com o governo

Não haverá dois pesos e duas medidas. Pelo menos foi essa a lógica externada pelo secretário de Relações Institucionais do governo, Josias Gomes (PT), ao comentar a saída do PTB da base estadual. De acordo com o petista, a mesma lógica imposta pelo governador Rui Costa (PT) ao PDT de não acender “uma vela para Deus e outra para o diabo” foi imposta ao PTB que acabou cedendo aos encantos do prefeito ACM Neto (DEM).
Josias confirmou que o ingresso do vereador Edvaldo Brito e o deputado federal Antônio Brito sela essa articulação. “Nós tivemos várias conversas com o presidente nacional do PTB e a direção estadual e mostramos que não era fácil e não aceitaríamos que eles ficassem numa situação onde tem representação contrária na capital e no estado ficariam conosco. Lamentamos que eles não tenham entendido dessa forma”, afirmou ao Bocão News.
Já sobre a situação do PDT, Josias afirmou que as conversas de reaproximação estão avançadas.  “Estamos e bem e logo estaremos resolvidos. É um partido importante, cujo processo de reaproximação espero concluir em breve”, encerrou. 
Fonte: Bocão News

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nunca escreva para os outros, o que você não gostaria de ler