quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Senado: Lídice é cabeça, Otto está em ascensão e Pinheiro deixa lista

A senadora Lídice da Mata (PSB) foi apontada pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap) como uma das “cabeças” do Senado. O senador Otto Alencar (PSD), segundo o mesmo levantamento, está em ascensão e o Walter Pinheiro, agora secretário de Educação da Bahia, deixou de ser listado no levantamento.
De acordo com o levantamento, Lídice é uma “articuladora”. Para o Diap, são “Cabeças” aqueles operadores-chave do Poder Legislativo cujas preferências, iniciativas, decisões ou vetos – implementados, por meio dos métodos da persuasão, da negociação, da indução ou da não-decisão – prevalecem no processo decisório na Câmara ou no Senado Federal.
Em ascensão, Otto tem recebido missões partidárias, políticas ou institucionais e se desincumbindo bem delas.
“Estão também nessa categoria os parlamentares que têm buscado abrir canais de interlocução, criando seus próprios espaços e se credenciando para o exercício de lideranças formais ou informais no âmbito do Parlamento. Integram esse grupo, ainda, os deputados ou senadores que já fizeram parte dos “Cabeças” mas, por razões circunstanciais, perderam interlocução”, afirma o estudo.
Pode-se afirmar que os parlamentares em ascensão estariam entre os 150 mais influentes do Congresso Nacional.
A pesquisa inclui apenas os parlamentares que estavam no efetivo exercício do mandato no período de avaliação, correspondente ao período de fevereiro a julho de 2016. Assim, quem esteve ou está licenciado do mandato, mesmo influente, não faz parte da publicação. Por isto, o senador Walter Pinheiro, licenciado para assumir a Secretaria da Educação do Estado da Bahia não consta na lista.
Fonte: Bocão News

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nunca escreva para os outros, o que você não gostaria de ler