domingo, 17 de setembro de 2017

Prefeitos divergem sobre gestão de Rui Costa



O prefeito de Belo Campo, Henrique Tigre (PSD), conhecido como Quinho, desmentiu o prefeito de Vitória da Conquista, Herzem Gusmão (PMDB), que acusou o governador Rui Costa de abandonar o interior do Estado.
Em entrevista na quinta-feira ao Se Liga Bocão, Herzem disse que o governador não tem dado atenção ao interior do estado e destacou que Vitória da Conquista não possuiu uma obra sequer. O Aeroporto e a Barragem do Catolé, que ambas juntas chegam a investimentos de quase a R$ 500 mil, o peemedebista atribui ao governo federal e uma articulação em conjunto com o deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB) e o ex-ministro Geddel Vieira Lima, preso pela Polícia Federal, acusado de cobrar propina quando ocupou a vice-presidência de Pessoa Jurídica da Caixa Econômica Federal.
 “Acho que o nosso colega Herzem Gusmão foi infeliz no que tange a administração do nosso governador Rui Costa”, eis a declaração do prefeito de Belo Campo, José Henrique Silva Tigre, o Quinho, que é dirigente da União dos Municípios da Bahia (UPB). “O governador Rui Costa tem dispensado um carinho especial por toda a Bahia com grandes obras, como é o caso do Metrô de Salvador, obras em toda a região, inclusive temos no nosso município, temos em Aracatu, em Anagé, temos aqui em Tremedal. São grandes obras que o governador tem realizado, podemos citar aqui a Adutora do Gaviãozinho, a Adutora do Catolé”, destacou lembrando-se ainda da garantia das conclusões das obras o Aeroporto Glauber Rocha. “Eu respeito o nobre colega com muito carinho, mas acho que o governador Rui Costa tem feito um ótimo trabalho e é por isso que tem uma aprovação muito grande”.
Fonte: Bocão News

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nunca escreva para os outros, o que você não gostaria de ler